SOUNDX

"Timeless (Taylor's Version) (From The Vault)"

2023 •

Republic

"Timeless" soa atemporal dentro da discografia da Swift.
Taylor Swift - Speak Now Taylors Version

"Timeless (Taylor's Version) (From The Vault)"

2023 •

Republic

"Timeless" soa atemporal dentro da discografia da Swift.
07/07/2023

Há alguns anos, uma imagem misteriosa emergiu na internet: a suposta capa do próximo álbum da cantora, chamado Timeless. Na época, Swift estava em seu tão famoso e estendido hiato pré-reputation, e, embora não houvesse nenhuma confirmação, alguma coisa parecia certa em relação a esse nome. Havia, inclusive, boatos de que a faixa-título tinha oito minutos de duração. No final das contas, o tal Timeless nunca existiu e reputation tomou seu lugar como o tão aguardado próximo registro de Taylor. No entanto, de fato, existiu uma canção chamada “Timeless”, não com quase dez minutos de duração, mas que estava no cofre de composições perdidas nunca lançadas da cantora. Com o lançamento da regravação de Speak Now, de 2010, a música surge como uma das peças mais representativas do talento de Swift. 

“Timeless” é a canção de encerramento de Speak Now (Taylor’s Version) e soa calorosamente atemporal dentro da carreira de Swift: uma fusão entre seu afiado storytelling característico do seu terceiro disco, mas com um olhar menos privativo, o ponto-chave presente das histórias alheias de folklore, de 2020. Na letra, Swift conta o enredo de uma vez que entrou em uma loja de antiguidades e esbarrou em fotos antigas, e, conforme a faixa avança, ela traça paralelos históricos de casais do passado e como isso faz ela olhar para seu relacionamento com um carinho ainda maior. “That’s when I came upon a book covered in cobwebs / Story of a romance torn apart by fate / Hundreds of years ago, they fell in love, like we did”, ela canta. Produzida por seu companheiro de longa data Jack Antonoff, a dominância sonora é de uma guitarra despojada e crua, que só é acompanhada por um conjunto mais robusto de cordas no refrão. O sentimento é de algo simples, mas que nem por isso carece de profundidade — e é justamente isso que dura.

Esse e qualquer outro texto publicado em nosso site tem os direitos autorais reservados. 

FIQUE ATUALIZADO COM NOSSAS PUBLICAções

Assine nossa newsletter e receba nossas novas publicações em seu e-mail.

MAIS DE

Para celebrar seu terceiro relançamento, hoje, na SoundX, faremos uma análise profunda e crítica do quinto disco de estúdio de Taylor Swift, seu trabalho mais pessoal até hoje.
Hoje Folklore comemora seu terceiro aniversário. Para celebrar, daremos uma olhada crítica e aprofundada nesse que é o álbum mais singular de Taylor Swift.
Para celebrar seu terceiro relançamento, hoje, na SoundX, faremos uma análise profunda e crítica do terceiro disco de estúdio de Taylor Swift, seu trabalho mais autoral até hoje.
plugins premium WordPress