SOUNDX

Calico

2023 •

ELEKTRA

7.5
Desvendando a beleza do amor e da autoaceitação, o terceiro álbum de Ryan Beatty é uma jornada envolvente e cativante.
Calico

Calico

2023 •

ELEKTRA

7.5
Desvendando a beleza do amor e da autoaceitação, o terceiro álbum de Ryan Beatty é uma jornada envolvente e cativante.
29/06/2023

Com sua voz suave e estilo pop distintivo, Ryan Beatty conquistou seguidores ao redor do mundo. Seus primeiros vídeos de covers no YouTube, como “Who Says” e “The Way I Am”, conquistaram cada vez mais o público. Agora, com seu terceiro álbum, Calico, o cantor alcança um novo patamar em sua carreira, mostrando uma evolução artística e emocional.

Neste trabalho, Beatty nos leva em uma jornada musical repleta de autoexpressão e vulnerabilidade, sendo este sentimento excelentemente representado pela música de abertura, “Ribbons”. A canção em questão retrata uma jornada emocional e de autorreflexão através da Califórnia, descrevendo momentos de intensa emoção: dançando a noite toda, seguidos pela sobriedade do amanhecer e a valorização do presente (“’Cause you’ve never known love like that / So you dance the night away / And the night bleeds into Sunday morning”). O conteúdo lírico transmite uma sensação de aceitação e apreciação das pequenas coisas da vida, sendo este tema cada vez mais desenvolvido em “Andromeda” e “Little Faith”.

Através das letras envolventes e da atmosfera emocionalmente carregada, o compositor norte-americano nos convida a mergulhar em suas experiências pessoais, criando uma conexão profunda com os ouvintes. A produção do álbum evoca influências de artistas consagrados, como Frank Ocean e James Blake, mostrando que Beatty tem essas referências musicais em seu repertório. No entanto, ele adiciona sua própria essência à produção, trazendo um toque distintivo. Embora o álbum mantenha-se dentro da zona de conforto musical de Ryan, o que resulta em uma experiência agradável, seria interessante ver uma exploração mais ousada de novos territórios sonoros.

Calico mergulha em um som doce e harmonioso, com a guitarra em destaque, revelando a beleza do amor em suas múltiplas formas. É uma jornada contínua de compreensão, expressão e autodescoberta, explorando as complexidades do amor queer e a aceitação da sexualidade. O disco é cativante e demonstra o crescimento contínuo de Ryan Beatty como artista, conseguindo entregar um trabalho que ressoa emocionalmente e reafirma sua voz e presença no cenário musical.

Esse e qualquer outro texto publicado em nosso site tem os direitos autorais reservados. 

FIQUE ATUALIZADO COM NOSSAS PUBLICAções

Assine nossa newsletter e receba nossas novas publicações em seu e-mail.

MAIS DE

plugins premium WordPress