“Cruising”
2021 • ROCK/EXPERIMENTAL • ROUGH TRADE
POR SIMÃO CHAMBEL; 16 de AGOSTO de 2021

Avaliação: 4 de 5.

Após o lançamento de Cavalcade em maio deste ano, o grupo que se revelou como das principais revelações do rock experimental com o seu debut em 2019 regressa com o lançamento do single “Cruising”, exclusivo da edição japonesa do álbum. Mais lenta e arrastada que as faixas em Cavalcade, mas não se afastando das principais sonoridades do álbum, a faixa parece retirada de um western futurístico e distópico. Os traços do country alternativo permitem conciliar a familiaridade da fascinante instrumentação com a mestria da experimentação indispensável na música de black midi. Os vocais roucos de Geordie Greep soam descomunais e magnificentes, fundindo-se entre a instrumentação parecem incorporar-se no ambiente em construção, alimentado a tensão crescente que uma guitarra cria ao soar uma mesma nota numa repetição quase desconcentrante.

“Cruising” aponta para a própria divagação musical que a faixa segue — desenvolvendo-se subtilmente e incorporando um piano e um saxofone que deixam transparecer uma enorme influência de jazz-rock, a música soa improvisada à medida que se desvenda. O caminho que faz é em direção à desconstrução, tornando-se cada vez mais abstrata. Num momento encarnando pouco mais que uma breve e brutal explosão de sons sobrepostos e indiscerníveis, noutro logo de seguida fechando com um deslumbrante momento vocal durante um comovente auge melódico.

No trabalho dos black midi os limites são ultrapassados através de uma experimentação destemida. Mais uma vez, a banda londrina prova o seu lugar no panorama do rock experimental, consolidando-se como um dos mais importantes e prometedores projetos do progressive rock que esta geração alguma vez verá. Com apenas Schlagenheim e Cavalcade e integrantes entre os 21 e os 22 anos, o prometedor potencial de black midi coloca-o numa lista indispensável de artistas a serem acompanhados de perto. Quem sabe se não estaremos realmente a testemunhar o nascimento de um clássico?