“Queer”
2021 • ALTERNATIVE • XL
POR GERSON MONTEIRO; 01 de DEZEMBRO de 2021

Avaliação: 4 de 5.

Para surpresa de todos os fãs de Arca, a artista anunciou que lançaria mais 2 álbuns em acompanhamento do antecipado KICK ii, sendo um deles intitulado kick iiii. “Queer”, o carro-chefe desse próprio álbum, é designado pela cantora como um hino, um grito de coragem ao preconceito e uma celebração do amor queer em todas as formas.

A canção começa com uma entrada sombria e misteriosa, alargando-se para uma explosão de sintetizadores e sons eletrónicos. A música envolve a participação de Planningtorock no refrão, uma voz hipnotizante que combina magistralmente com o tom tenebroso de Arca e a sua produção psicadélica. A faixa contêm vocais distorcidos em espanhol e inglês, tornando a música ainda mais universal a vários membros da comunidade LGBT+ pelo mundo fora.

Um dos versos mais significativos de “Queer” é “I got tears, but tears of fire / Tears of power”. As lágrimas simbolizam a dor e o trauma que as pessoas queer passam à medida que crescem. Eles são feitos de fogo em vez de líquido. Esse paralelo surreal mostra que Arca, Planningtorock e todas as outras pessoas queer tiveram ou terão sua dor transformada em poder, que usarão para superar traumas. Assim, além de demonstrar o seu talento na música eletrónica, Alejandra Ghersi também mostra a sua capacidade de escrita e conexão emocional.